Segunda-feira, 13 de Junho de 2005

Fragmento 21 - Vida

candles.jpg


Ás vezes penso, não muitas vezes, mas ás vezes. Penso se não estarei aqui a mais, interrogo-me sobre a minha existência, o meu propósito aqui neste mundo.
Sou sonhador, optimista, bem disposto, realista, sou como o mundo me fez, como me criaram, um cristão ateu, sem credo definido, pensamento livre sem abrigo, sem grades para me prender, sem cordas para me amarrar, voa livre e sem destino, este pensamento meu.
Mas por vezes, dou comigo triste, sem razão aparente, sem motivo que o valha, uma tristeza latente, quando a alegria me falha, nem o dia de sol quente, mar azul, fantasia, me traz de volta, da minha melancolia.
E fico, a ver quebrar, onda após onda, maré que sobe e toma a praia para si, ondas de espuma que se misturam na areia, as pequeninas bolhinhas de ar, que se formam quando a água é devolvida ao mar e deixam para tras uma praia perfurada e borbulhante. Já ninguem repara nessas coisas, tão naturais, que nao as apreciamos, nem agradecemos o privilégio de as poder contemplar, e já ninguém liga.
Acho que nem mesmo eu, apesar de perder muito tempo a observar pequenas coisas. Mas e perder porquê? Porque falo eu em perda de tempo?A procura do saber não é nunca perda de tempo, a busca da razão das coisas, é tudo o que nos resta, neste constante tentar, esta busca insessante de uma vida cheia, porque pior do que não viver, é morrer na estupidez da ignorancia.
Mas quantos assim perecem, sem nunca o saberem, qual é afinal a definicão de conhecimento, quem me explica, o que é para uns, nao diz nada a outros, e por vezes nao diz nada a ninguém. Somos pobres, muitos de nós, pobres de espirito, pobres de saber, mas porque assim o quisemos, só nao aprende quem assim o deseja, o conhecimento mais importante é gratuíto, a vida.

By: Angel-of-Death
In: "O espelho e eu"
publicado por Angel-of-Death às 18:37
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Angel-of-Death a 14 de Junho de 2005 às 23:43
Obrigado fofinha.
Fico contente que penses assim.
E fico contente que aquilo que escrevo sirva para ajudar ou inspirar alguém, assim sinto que servi um propósito.
:)


De Iglaia a 14 de Junho de 2005 às 22:28
u existes para me guiar, para me ensinares a viver, para me ensinares a crescer!!!!!! bjs fofos.. adoro-te!!!!


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Não me odeies...

. Sinto a Alma gelar...

. Voltar atrás...

. Ao menos...

. So me dizes hoje...

. Talvez mentiras...

. Finalmente

. Negro no fim

. Nameless...

. Afinal, ainda não comecei...

.arquivos

. Outubro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Junho 2009

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Abril 2007

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds